Categories

A sample text widget

Etiam pulvinar consectetur dolor sed malesuada. Ut convallis euismod dolor nec pretium. Nunc ut tristique massa.

Nam sodales mi vitae dolor ullamcorper et vulputate enim accumsan. Morbi orci magna, tincidunt vitae molestie nec, molestie at mi. Nulla nulla lorem, suscipit in posuere in, interdum non magna.

Primeiro ano!

Francisco, dia 09 você completou 1 ano de vida. PARABÉNS!!!! O mais extraordinário é que, embora o aniversário tenha sido seu, fui eu que me senti ganhando um presente. Um não! Vários!!!! Deixe que eu explico.

Neste ano que passou, entre todas as experiências novas que um filho pode trazer para seu novo lar e para a vida de seus pais, o que ficou evidente é o INFINITO AMOR que sua mãe dedicou a você. Preciso te contar isso, porque ninguém mais poderá fazê-lo. Nem ela, pois a humildade dela não a deixaria.

Antes de mais nada, você precisa entender que sua mãe possui uma visão bastante CLARA da Vida. Terá oportunidade para aprender com os pontos de vista dela e aprimorar seu conhecimento da melhor forma possível, alinhando a realização prática com seu lado espiritual, coisa tão descartada hoje em dia ao nosso redor. Eu faço isso e já te recomendo a mesma coisa: apender com ela.

Desde o início, a preocupação dela foi com sua chegada. Precisava ser a melhor para VOCÊ! Acreditamos que o parto natural dentro da água seria a melhor maneira de recebê-lo. Ela cuidou para que isso acontecesse! Você nasceu em nossa casa, dentro da água, em um ambiente cercado de Amor, como merece. Não houve qualquer intervensão desnecessária em seu parto. Foi completamente natural, sem anestesias e sem episiotomias. Simplesmente, porque não eram necessárias. Simplesmente porque sua mãe sentiu que assim é que deveria ser, apesar do medo do primeiro parto, do medo de alguma coisa não dar certo e ter de ir para o hospital… a preocupação com o que seria sua melhor recepção neste mundo foi a prioridade dela! A minha parte foi a mais fácil: apoiá-la.

Para chegar ao dia do parto, foram 9 meses com enjôos diários, com direito a vômitos, pelo menos todas as manhãs, até o dia de seu nascimento! Claro que isso afetou o bem estar dela. Algumas vezes era difícil se alimentar e a dor de cabeça, e de estômago, vinham com tudo. Mesmo assim, medicamentos só aqueles que eram aprovados para gestantes e que, comprovadamente não afetavam o feto em desenvolvimento. Claro que não se encontra remédios assim com facilidade, e ela aguentou várias dores devido a isso. Ela não queria comprometer seu desenvolvimento de forma alguma. Três vezes precisei levá-la para o pronto socorro para tomar soro e alguma medicação para os enjôos, pois os vômitos não permitiam um mínimo de alimentação.

Depois de seu nascimento e ao longo deste primeiro ano inteiro, a atenção de sua mãe para com você foi IMPRESSIONANTE. Tomando o cuidado de aprender logo o que cada choro seu significava: fome, sono, frio ou apenas uma vontade enorme de ficar no colo ou brincar. Claro que, sendo tão pequeno, você ainda não sabia o que era fazer manha, então, suas necessidades eram autênticas, como de todo o bebê, e sua mãe as atendia de imediato.

E o mamar então?!? Apesar da grande maioria das mães optarem pela mamadeira e pelo leite de outro mamífero (de uma outra vaca, como dizem por aí) para dar para seus bebês, você mamou 6 meses EXCLUSIVAMENTE no peito de sua mãe, e continua mamando, mas agora com comidinhas durante o dia, para COMPLEMENTAR sua alimentação. Não soube o que era chupeta ou mamadeira. Assim que a fome vinha, lá estava sua mãe para lhe dar o peito. Não foi estabelecido qualquer horário para sua alimentação. Foi amamentado em LIVRE DEMANDA, quando a fome chegava. Poucas mães fazem isso, pois dá trabalho! Preferem estabelecer um horário do tipo, a cada 3 horas… ou pior, achando que o bebê vai se adaptar a este horário. Coisa que nem elas, enquanto adultas, conseguem fazer em suas vidas…

Até mesmo o ato de dar de mamar ganhou uma importância ENORME vendo como sua mãe o fazia (e ainda o faz), pois, não é apenas dar o peito. Não teve babás, nem mamadeiras que pudessem substituir estes momentos entre você e ela. O conforto e a segurança do colo e do peito da sua mãe sempre estiveram ao seu dispor. Sabemos que isso será marcado em sua personalidade para sempre. Mas, vale lembrar, que nos primeiros meses, sua necessidade de mamar foi de hora em hora, dia ou noite. Desgastante, não?!? Pois é… sua mãe segurou a onda! Ela lhe deu (e lhe dá) o colo, o carinho, o AMOR, a oração, e, junto com o leite, um monte de vibrações positivas de proteção para seu corpo e sua vida.

Nas últimas semanas, além das pesquisas sobre a amamentação, vacinação e outras coisas relacionadas ao desenvolvimento da criança, sua mãe tem buscado se informar sobre escolas. Encontrou a metodologia Waldorf e estamos muito contentes de saber que existe uma forma diferenciada de ensino, onde o ser humano é colocado em primeiro lugar, antes da necessidade de se preparar para o vestibular! No final deste ano iremos visitar uma escola que utiliza esta metodologia e, se gostarmos, já colocaremos seu nome na lista de espera, pois leva mais de um ano para ser chamado. Como desejamos que vá para a escolinha só depois dos 2 anos, está tudo certo! Mas a antecedência em buscar informações e de encontrarmos o lugar certo é mérito da sua mãe!

Franciscão, meu velho, parabéns pelo seu primeiro ano! Parabéns por ter escolhido uma mãe dessas! Somos “sortudos”, não?!?!

Agora, bola pra frente que o segundo ano mal começou e já está a mil!!! Acelere aí!!! Temos muitas coisas para fazer e muitos lugares para conhecer!!! Boa vida, meu filho.

Começando a viagem do segundo ano!

3 comments to Primeiro ano!

  • Ana Gabi

    Nossa! Já tinha chorado vendo o parto no youtube… Agora, lendo este post… Tô me acabando em lágrimas…
    Estamos começando nossa família… E se eu precisava me inspirar na família de alguém, eu já encontrei o caminho…
    É muito amor, muita paz, muita dedicação um ao outro que cerca a família de vocês… E posso dizer com propriedade… uma “cena” como esta não é tão fácil de se ver hoje em dia…
    Bem… Obrigada por me inspirar, por me revelar que é possível sim viver a família, a paz e o amor…

    Saúde e união para a família de vocês… O Francisco é lindo!!! Deus queira que minha família seja tão abençoada quanto a de vocês…

    Até mais

  • Luzi, Deus do céu…que post lindo! Não tinha lido ainda. Chorei, chorei…Muito sincero e cheio de amor. E que lindo seu Francisco! Adorei…
    Muito amor e dias maravilhosos para sua família linda 🙂
    Dani e Liv

  • Lilian Egidio

    Lu queridaaaa…
    Nao sei se voce se lembra de mim.. Moro na rua da sua mae…
    Chorei ao ver o parto do Francisco e finalmente ver como ele esta lindooooo.. Parabéns viu…
    Sua força e determinação de fazer um parto natural…
    Que Jeová Deus continue a iluminar vocês pra criar o francisco no melhor caminho..
    Saudades viu..
    Bjs